27/02/2015

Quem está acostumado a passar horas na blogosfera já se deparou com esse termo várias vezes. Ou, ainda, suas variações: decoração acessível, decoração de verdade, casa com cara de casa. Mas já parou pra pensar no que exatamente significa tudo isso? Por acaso, existe alguma decoração que é impossível?

Quando falamos que uma decoração é possível, na verdade está implícito o restante da expressão, que seria assim: decoração possível de ser executada. Ou seja, dentro da sua realidade, o que é necessário para que você consiga, de fato, executar uma decoração?

20 boho-chic-balcony-gardens

Espaço físico disponível sempre vai existir, seja ele pouco ou abundante. Mas sem recursos financeiros é difícil adquirir coisas novas para dentro de casa, concorda? Por isso, o termo decoração possível é muito relacionado à situação financeira do usuário. Pouca verba não é desculpa para não decorar um cômodo, mas é ela que determina o nível de investimento na decoração de um ou mais ambientes. Se a grana tá curta, a gente se vira com o que tem.

Portanto, para uma definição mais objetiva, decoração possível é aquela que é passível de acontecer com pouco investimento financeiro, de acordo com sua realidade.

Como hoje o acesso à informação é muito mais democrático, especialmente com o surgimento das mídias sociais, o conhecimento de novas tecnologias e tendências (falando especificamente sobre decoração de interiores) vem sendo amplamente difundido. É difícil não saber que existem diferentes tipos de porcelanatos, de mármores, iluminação de LED e por aí vai. A questão é: eu tenho condições de ter tudo isso em minha casa? E se eu não tiver, vou deixar minha casa feia?

É claro que não e é aí que entra o conceito de decoração possível. Portanto, uma informação adicional para nossa definição:

Decoração possível é o oposto da decoração luxuosa.

As duas têm sua beleza mas, caracteristicamente, uma é o contrário da outra. A decoração possível, mais acessível, é aquela que você olha e consegue imaginar sua casa daquele jeito; a decoração mais luxuosa é aquela típica de revista ou de cinema, aquela que parece bem distante da realidade de muita gente. Deu pra sacar? Veja os exemplos abaixo:

decoração possível 001

decoração possível 002

decoração possível 003

decoração possível 004

\decoração possível 005

Mas como colocar em prática a decoração possível?

Já vimos que a decoração possível é aquela em que existe pouca grana na jogada. Isso pode parecer desanimador muitas vezes, mas saiba que usando um pouco de criatividade, você pode conseguir ótimos resultados gastando pouco.

  • 1) Usar o que você já possui

Muitas vezes, as pessoas querem se desfazer de móveis em bom estado porque enjoaram da cara dele. Isso é bem fácil de resolver. Troque sua cor, revista-o com novos materiais, como papel ou tecido, adicione (ou remova) elementos decorativos, como puxadores, tampos, pernas, etc. Ao invés de jogar fora, transforme-o. Dê uma cara nova a ele, leve-o para outro ambiente e utilize-o de outra forma. Uma mesinha lateral da sua sala pode virar um criado-mudo no seu quarto. As possibilidades são inúmeras e a natureza agradece.

16 0a2f78123f4166231bd950be994b1fe1

  •  2) Pesquisar muito

NÃO SE ILUDA: em algum momento do seu processo decorativo, você vai gastar dinheiro e talvez não seja tão pouco assim. Não espere comprar um sofá novo por menos de 500 reais, por exemplo (não sei pra vocês, mas pra mim, 500 reais é muito dinheiro). Mas entre pagar 500 e pagar 800 pelo mesmo produto, o que é melhor? Somente pesquisando em lojas diferentes é que dá para ter uma ideia da faixa de preço daquilo que você quer comprar e, assim, escolher o que for mais viável para você. Mas lembre-se: às vezes, o barato sai caro. Portanto, leve em consideração não só o preço mas também a qualidade do produto e opte pelo de melhor custo-benefício.

decoração possível 6

  • 3) Criar coisas novas

Talvez esse seja o ponto mais legal de uma decoração possível: o tal do faça-você-mesmo. Pensa só: eu tenho uma parede pelada, precisando de alguma coisa pra dar uma graça a ela. Ao mesmo tempo, estou sem verba suficiente pra comprar um jogo de quadros. O que você faz?

a) Deixa a parede pelada mesmo;
b) Compra os quadros sem dinheiro e se desespera quando a fatura do cartão chega no mês seguinte;
c) Arranja materiais que você já tem e confecciona alguma coisa bem legal, gastando bem pouco.

18 DSCF8243-591x1024

A intenção aqui é que você possa enfeitar sua casa sem comprometer seu orçamento (se você não vê motivos para decorar sua casa, sugiro que leia esse post). Por isso, é muito melhor você comprar materiais específicos, que geralmente não são tão caros, ou usar objetos que você já tem em casa, e decorar sua parede pelada com itens que você mesmo confeccionou. Além da economia, o fato de você “colocar a mão na massa” dá muito mais personalidade à sua decoração, fora que costumamos dar muito mais valor a uma coisa quando suamos para consegui-la do que quando já a adquirimos pronta, não acha?

15 berço-mesinha-6-699x1024

Esse assunto de decoração possível ainda tem muito pano pras mangas; por hora, vou terminar o post por aqui para a leitura não ficar tão cansativa, mas voltarei a abordar o assunto em outras ocasiões porque meu objetivo com a criação desse blog é exatamente esse: fazer você enxergar que sua casa precisa de você e falta de dinheiro não é mais desculpa para isso. Ok?

Até a próxima!

Imagens: 1 – 2 – 3 – 4 – 5 – 6 – 7 – 8 – 9 – 10 – 11 – 12 – 13 – 14 – 15
Arquivado em: Baixo custo, DIY, Reaproveitamento, Texto
Tags: , , , ,


    Gravatar Mila Leutz
    1 julho 2015

    Fantástico.
    Gostei muito do jeito que você escreve, e achei muito bom esse post.
    Particularmente hoje eu estou “quase” em desespero, pois, olho tantos blogs na internet sobre decoração, mas claro, infelizmente poucas coisas cabem no bolso.
    O seu é diferente.
    Obrigado pelas palavras.
    Abraço.
    Mila Leutz

    [Reply]

    Manuela Lopes Reply:

    Mila, você não faz ideia de como eu fiquei feliz lendo seu comentário. De verdade. Minha intenção com o Simplichique é exatamente essa: ser diferente. Mostrar que é possível SIM decorar a casa sem tanto aperto; tentar mudar um pouco a ideia de que isso é caro ou que é uma futilidade. Eu só tenho a agradecer pelo seu carinho e pode ter certeza de que vou sempre dar meu melhor por aqui, tá certo?
    De verdade, muuuuuito obrigada!
    Beijo!
    Manu

    [Reply]


    Gravatar Nome Eliana
    22 julho 2015

    Gostei muito desse post, já estava desistindo de achar um jeito barato, mas que ficasse minha cara. mudei de um apartamento de 3 quartos para um quarto e sala, por motivos de inventário e estou perdida até hoje.
    Obrigada pela sua sensibilidade!!!

    [Reply]

    Manuela Lopes Reply:

    Oi Eliana! Conte comigo e com o Simplichique no que a gente puder ajudar! 🙂
    Obrigada pela visita!
    Um beijão!

    [Reply]


    Gravatar Will
    8 outubro 2015

    Muito bom esse post, parabéns! Explica muito bem a importância da decoração, que é um negócio importante até para nossa autoestima, né! É possível deixar a casa mais bonita sem ter que gastar demais, seja porque querermos gastar com outra coisa ou porque não dispomos de dinheiro (o que é o caso quase sempre rsrs).
    Parabéns pelo blog, não conhecia e gostei. Vou entrar mais.

    [Reply]

    Manuela Lopes Reply:

    Nossa, Will, suuuuuper obrigada! Exatamente isso que você falou! Quero acabar com essa ideia de que decoração é desnecessário, é uma coisa supérflua. Nada disso. Decorar a casa é cuidar do nosso bem estar, porque a gente não vive bem num lugar sem gostar dele.
    Fique à vontade para voltar mais vezes e muito obrigada por sua visita – e futuras visitas tb, hein? 🙂

    [Reply]


Deixe seu comentário