Confesso que pensei muito antes de escrever esse post, porque é o tipo de conteúdo que gera mimimi. Mas antes de fazer coisas bonitas, eu também prezo pela praticidade e funcionalidade de tudo, inclusive na decoração.

E cada vez mais, tenho me deparado com dicas e projetos questionáveis quanto a essas duas finalidades. O ser humano é bastante criativo, mas será mesmo que tudo que a gente vê na internet funciona bem dentro de casa? Por isso, apertem os cintos o piloto sumiu que a turbulência pode ser um pouco forte.

1. CABECEIRA DE JANELA

não funciona na decoração 01Imagem: via

Imagine se uma pessoa com rinite inventa de fazer isso em casa, principalmente se for uma janela veneziana. A menos que ela seja muito dedicada e limpe cada uma das venezianas, de uma por uma, todo santo dia, aí eu até aprovo a ideia. Mas creio eu que o acúmulo de poeira num local tão relaxante não seja uma boa ideia. Sem falar que elas estarão em contato direto com travesseiros e lençóis.

não funciona na decoração 03Imagem: via

Reaproveitar venezianas na decoração é uma ótima sacada; elas podem servir como elementos decorativos em uma parede pelada, por exemplo. Mas como cabeceira, definitivamente, não.

2. PLANTAS ACIMA DO SOFÁ OU DA CAMA

Quando vejo essas fotos com um monte de planta acima de sofás ou até de camas, não consigo pensar em outra coisa a não ser que foi um cenário montado exclusivamente para aquela foto. Ou que são plantas artificiais.

não funciona na decoração 04Imagem: via

Como é que uma pessoa põe água em todas essas plantinhas? Com um conta-gotas? Porque não existe borrifador no mundo que deixe de espirrar umas duas ou três gotinhas pra fora. Se seu sofá não é impermeabilizado, com o passar do tempo, a chance de ele manchar ou até estragar é muito grande. O mesmo vale pro colchão.

não funciona na decoração 05Imagem: via

Eu amo plantas naturais e sou super a favor delas espalhadas pela casa. Mas prestem atenção ao local onde elas serão colocadas e lembrem-se de que muitas delas pedem rega diária. Por isso, escolham com sabedoria o cantinho onde elas irão morar.

3. PAREDE LOUSA NA COZINHA

Amo parede lousa! Sou louca por uma na minha casa. Mas em cozinhas, só consigo imaginar uma nuvem de pó de giz voando e indo direto pro prato ou pra panela. É claro, há paredes em localidades estratégicas, ou seja, você pode pintar e bordar nelas que o pozinho não vai contaminar os alimentos. Mas perto de pias, fogões ou bancadas de refeição, sinceramente, não dá.

não funciona na decoração 06Imagem: via

4. PORTA-TRECOS COM AREIA OU SAL

Um dos DIYs gringos que mais me chamou a atenção foi uma espécie de porta-trecos que as pessoas preenchem com algum tipo de granulado para que as coisas fiquem bem acomodadas dentro dele. Vejo muito isso em blogs de maquiagem, onde as blogueiras ensinam esse projeto para armazenar os pincéis de forma prática.

não funciona na decoração 07Imagem: via

De forma prática? Peraí que não entendi. É pra enterrar os cabos dos seus pincéis na areia e chamar isso de prático? Só eu no mundo imagino a sujeirada que isso vai fazer? Já vi, inclusive, alguns modelos feitos de sal e até de purpurina!

E eu testei em casa. Realmente não funciona; o cabo do pincel sai todo sujinho de sal.

pincel simplichiqueImagem: acervo Simplichique

Gente, desculpa. Se você quer muito um projeto desses na sua penteadeira, escolha bem o material que vai no copinho, por favor. Algumas sugestões: mini seixos coloridos (aquelas pedrinhas que você usa pra decorar vasos), pérolas ou miçangas não tão pequenas, sal grosso. Evite qualquer material cujos grãos são muito fininhos ou além de sombra e blush, sua mão vai acabar passando pro rosto um temperinho a mais. Ba dum tss!

5. CAIXOTES E PALLETS ENCONTRADOS NA RUA

Calma lá, antes que me linchem. Não sou contra levar caixas e pallets da rua, mas muito cuidado com o tipo de material que vocês encontram dando sopa por aí. A madeira é um material poroso e seu poder de absorção é alto. Você não sabe há quanto tempo eles estão ali na rua, podendo ter tomado (muita) chuva, estar infestados de fungos ou com muitas rebarbas e pregos soltos.

não funciona na decoração 09Imagem: via

É claro que, se você encontrar alguns deles na rua e estiverem em bom estado, eu serei a primeira a dizer “leve pra casa”. Mas não deixe de prepará-los para que seus projetos fiquem bonitos e seguros. Como fazer isso? Simples: dando uma boa lixada e aplicando uma seladora (algumas delas já vêm com tratamento antimofo) e seus caixotes e pallets já estarão prontos pro seu projeto top!


Minha intenção com esse assunto não é menosprezar o trabalho de ninguém. Apenas quero mostrar que certas coisas, apesar de muito bonitas, não funcionam em nosso dia-a-dia. E indo um pouco mais além, aprendam a desenvolver um pensamento crítico a respeito do que vocês vêm por aí. Não é porque saiu na revista X que vai servir pra você; não é porque foi sua melhor amiga que fez que ficou uma graça; não é porque está na moda que é bonito.

Se você gostou do conteúdo, deixe um comentário aqui; assim, dependendo do resultado, posso fazer dele uma série no blog. Futuros posts sobre “o que não funciona na decoração”, o que vocês acham?

Tem mais Simplichique aqui:

Compartilhe: