Como usar cores em 5 diferentes ambientes da casa e arrasar

Como usar cores em 5 diferentes ambientes da casa e arrasar

Descubra os critérios para escolher a cor certa para cada um dos ambientes da casa e surpreenda-se com o resultado!

Tem escolhas na vida que são muito pessoais – um perfume, o prato preferido, uma roupa. Só que o efeito das cores nos ambientes é algo que não se discute.

Claro que tem pessoas que não suportariam jamais viver em uma casa pintada de preto ou vermelho. Mas será que isso se trata de meras preferências ou da mensagem que os tons emitem e que podem agradar ou desagradar certos perfis de pessoas?

cores nos ambientesJanaina Naves – Aleggra Design & Arquitetura

A psicodinâmica das cores nos ambientes

Para quem estuda publicidade, o estudo da psicodinâmica das cores é um tema comum. De todo modo, arquitetos e designers de interiores também analisam o impacto dos tons dos materiais nos seus projetos.

Mas os efeitos daquilo que há nos ambientes sobre a saúde mental e física das pessoas são mais bem interpretados por correntes científicas do tipo feng shui e vastru shastra – respectivamente, de origem chinesa e indiana.

cores nos ambientesCarol Tasiro e Figueiredo Fischer

Essas técnicas milenares, quando bem estudadas, ajudam os profissionais a entender melhor como as cores alteram a percepção que as pessoas têm dos espaços. Não é nada como uma questão de gosto, mas de associação de ideias.

Por exemplo, uma pessoa pode adorar vermelho e não sentir qualquer sensação ruim quando entra numa sala pintada nessa cor. Em compensação, não conseguir dormir num quarto com a mesma paleta.

cores nos ambientesHelena Koki

O impacto das cores nos ambientes

Pode-se dizer que todas as cores ou fusões de cores informam uma mensagem. Algumas lancheiras apresentam a combinação laranja e verde.

Laboratórios costumam ser pintados de azul e branco, escritórios de advocacia de dourado, lojas de artigos esotéricos de lilás, e assim por diante. E qual o motivo disso? A resposta é “psicodinâmica das cores”!

cores nos ambientesBianca Monteiro e Decoradoria Decoração Online

Falando especificamente das residências, os procedimentos de estudo e análise devem ser outros. Em parte, tem a ver com outro propósito.

Arquitetos e designers têm o dever de informar seus clientes sobre os impactos das cores nos interiores, mas também precisam prestar um serviço que lhes agrade. Se a pessoa quer ter uma casa cheia de móveis pretos, que tenha – é de conta e risco dela!

As cores mais indicadas para cada setor da casa

cores nos ambientesMarli Assis

1- Hall de entrada e sala de estar

Começando pela entrada, o hall e a sala são os primeiros ambientes que o visitante verá ao adentrar na casa. São áreas sociais importantes que devem passar uma mensagem alegre e positiva.


Nesse caso, cores como o laranja e o amarelo são super indicados. Mas, novamente citando, a escolha vai depender do gosto do proprietário. Se a pessoa preferir, pode manter um tom de fundo neutro e pontuar com o mais forte nos detalhes.

cores nos ambientesRodrigo Kolton e Beto Monzon

2- Sala de jantar e cozinha

Nos setores em que são preparados e serviços os alimentos, o decorador de interiores tem que propor uma cor também alegre e que estimule a boa alimentação.

O “verde alface”, por exemplo, é uma ótima pedida, pois faz a pessoa pensar em alimentos naturais, extraídos da terra e, consequentemente, em comer mais verduras.

Mas lembre-se que a sala de jantar é um ambiente social que precisa de tons mais alegres.

cores nos ambientesEnzo Sobocinski e Carol Tasiro

3- Quartos

As regras quanto às cores para quartos de adulto e de crianças são totalmente diferentes. Não há problema algum em ter uma cor como roxo, preto e azul-escuro em um quarto de solteiro.

Mas se o ambiente for destinado a um casal, é melhor que a decoração transmita romantismo – até para “apimentar” a relação -, ideia que combina mais com vermelho suave e cor-de-rosa. Já os pequenos são um caso à parte. Entenda melhor no texto a seguir!

cores nos ambientesJanaina Naves – Aleggra Design & Arquitetura

Decorar quarto de criança é algo bastante complexo. Há pessoas que vão afirmar que não veem mal algum em pintar um quarto de bebê de cores mais vivas ou escuras.

Só que se tantas propostas apresentam um visual ao contrário, isso tem uma explicação. O caso é que a gurizada é mais afetada pela psicodinâmica das cores do que os adultos, pura e simplesmente.

Se uma criança é muito agitada, o quarto dela não deve ser pintado de vermelho ou amarelo, pois a faria ficar mais agitada. Tons neutros do tipo off-white são a melhor opção para espaços infantis.

Conforme os anos forem passando, a mãe ou o pai pode ir trocando os elementos ornamentais do quarto do filho. Essas mudanças na decoração acompanharão o crescimento e a definição da personalidade do jovem humano.

cores nos ambientesMaíra Schaeffer e Solange Vale

4- Banheiro e lavabo

O banheiro e o lavabo devem ser coloridos de maneiras diferentes. O primeiro é um local privado onde os donos do imóvel permanecerão mais tempo.

Sendo assim, seus revestimentos devem transmitir uma sensação de limpeza e higiene. Uma boa pedida para esse tipo de ambiente são cores como bege, cinza, azul e verde claros – já os móveis, podem ser em branco ou amadeirados claros.

Claro que, em relação ao que foi dito sobre o banheiro, não quer dizer que o lavabo deva parecer sujo, longe disso.

Mas, por se tratar de um local social – que, eventualmente, receberá visitantes -, pode ser pintado de cores mais fortes, fechadas. É uma boa escolha tons de vinho, verde escuro e turquesa.

cores nos ambientesRevista Viva Decora e Avner Posner

5- Home office

E por fim, tem-se o home office. Lembrando que esta é uma área diferente da casa, particular, mas não íntima; voltada para fins de estudo e de trabalho; um ambiente que pode ser pintado de muitos tons diferentes.

Estando presente neste cômodo, a pessoa tem de se sentir alegre, animada, estimulada e inspirada a realizar suas atividades. Assim, o melhor é que as cores escolhidas façam relação, justamente, com o seu campo profissional.

Agora que você já viu as cores mais indicadas para cada ambiente da casa, que tal começar a mudar a pintura ou o revestimento de alguns deles?

Estas dicas de como usar cores nos ambientes foram criadas pela equipe Viva Decora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *