{Estilo Simplichique #14} Sala Renovada

Tenho dito aqui no blog que uma das formas de mudar a cara de um ambiente sem gastar muito é tentar usar ao máximo as coisas que você já tem. O Estilo Simplichique de hoje vai mostrar um exemplo de como isso é possível para que você adapte essas ideias para a sua realidade.

sala renovada Alison-Living-Room22

Esse apartamento é de apenas um dormitório, o que explica a pequena mesa de jantar na sala. Não era um ambiente apertado – reparem que, apesar de haver muitos móveis, a circulação não estava comprometida, mas ainda assim, todo o conjunto dava uma impressão de amontoamento. Senti falta de plantas no cômodo e de um pouco mais de aconchego. Mas tudo isso foi resolvido com a transformação a seguir.

sala renovada Alison-Living-Room3

A maior parte dos móveis foi mantida, outros foram embora. O orçamento para os itens novos era de mil dólares mas, desses mil, 250 foram gastos só em livros para decorar a mesinha de centro. Sinceridade? Não acho que seja uma necessidade; se você tem a grana disponível e faz questão de comprar livros para fins decorativos, vá em frente, mas prefiro pensar que todo mundo tem livros em casa que podem muito bem exercer esse papel – e o melhor de tudo, sem gastar um centavo.

sala renovada MEthod2

A mesinha de centro ocupou o lugar das duas mesinhas laterais que estavam ali antes. Essas mesinhas laterais foram relocadas para outros pontos da sala: ao lado do sofá e ao lado de uma nova poltrona, que foi comprada num site de compra e venda. A nova posição das mesinhas favoreceu muito a composição com o sofá, que parecia meio “perdido” antes, sozinho naquela parede, coitado.

sala renovada Alison-Living-Room8

A mesa de jantar é a mesma – ela é extensível, ou seja, pode ser usada dobrada ou aberta, dependendo do número de pessoas. Nesse caso, ela foi deixada fechada com duas novas cadeiras, muito mais leves que as antigas, para atender melhor a moradora.

sala renovada Alison-Living-Room7

Como não há espaço, a TV fica presa à parede; a mudança aqui foi apenas esconder os fios pendurados, antes expostos, usando uma canaleta da mesma cor da parede para disfarçar. A nova poltrona e a mesinha lateral (que antes estava em frente ao sofá) deram um toque de conforto ao local e diminuíram a quantidade desnecessária de móveis amontoados. Essa, aliás, é a melhor lição que a gente pode aprender com esse post: se não tem espaço, não insista, use apenas o necessário.

sala renovada Alison-Living-Room5

Usar tapete sobre tapete é uma tendência – mas prefira fazer isso em ambientes um pouco maiores. O que aconteceu aqui é que o tapete colorido retangular demarcava demais a área do sofá, dando a impressão de que todo o ambiente era menor. Ao optar apenas pelo tapete maior e mais discreto, a sala ganhou amplitude e perdeu um pouco da “poluição visual” causada pelo acúmulo de muitas coisas juntas.

sala renovada MEthod1

Por fim, viram a mágica que algumas plantinhas podem fazer numa decoração? Não precisa transformar sua sala numa floresta, mas procure sempre ter plantinhas dentro de casa. O verde traz muita vida e boas energias ao ambiente interno. Pode apostar em cactos e suculentas caso você não tenha o dom da jardinagem correndo pelas veias; elas são muito mais fáceis de cuidar e podem passar muito tempo sem água.

E se você quiser ver todos os outros posts do Estilo Simplichique, basta clicar aqui.

Imagens: Oh Happy Day

Banner Estilo Simplichique

Este post tem 2 comentários

  1. Oi Manuela!
    Voltei várias vezes para as fotos do ANTES para apreciar melhor cada mudança! Ficou incrível, como você disse, as plantinhas fazem mágica na decoração. Também acho que uma injeção de cor também faz milagres. Muito bom o post, adoro ver essas transformações, ainda mais quando não tem grandes reformas, ou mudanças bruscas dos móveis. Sempre me surpreendem.
    Também achei desnecessário gastar $250,00 com livros para decorar o a mesa de centro, pelo amor! Economiza né, ou então gaste em um outro item decorativo! hahah Vai entender!

    Beijo grande!
    Thamyrez

    1. Pois é, Thamyrez, já pensou? Sem falar que essa quantidade toda de livros na mesinha acaba ocupando espaço que poderia ser usado pra apoiar outras coisas mais do dia-a-dia, tipo um pratinho, xícara ou caneca (quem é que não faz lanchinhos vendo tv, né não?); mas gosto é gosto, né! rsrs
      Que bom que vc gostou do post! Brigada pelo comentário! 😀
      Beijo grande também!!

Deixe uma resposta