Modelos de cortina para decoração de sua casa | Simplichique
Modelos de cortina para decoração de sua casa

Modelos de cortina para decoração de sua casa

Valorize a decoração de sua casa com o modelo certo de cortina

Cortina é um tipo de elemento decorativo geralmente utilizado para cobrir janelas, fazendo controle da entrada de raios solares e de vento natural nos interiores. Além do mais, ele pode provocar muitos outros grandes impactos em decorações de sala de estar. 

E é exatamente por isto que sua escolha deve ser tão bem planejada. Claro, tal peça não deve necessariamente “roubar a cena”, mas pode ser o destaque no cenário, tudo vai depender.

Em sua casa, pode haver janelas pequenas, janelas grandes, peles de vidros, portas balcões e muitas aberturas onde se deseja instalar um fechamento de cortina. 

Antes de sair por aí comprando cortina para sala, quarto, cozinha, banheiro, varanda e mais, que tal conferir as nossas dicas?

Modelos de cortina

Vinícius Alves

Sobre as vantagens do uso de cortinas em decoração de interiores

Cortinas podem moldar ou dar o toque final na decoração de ambientes, deixando-os mais confortáveis e estilosos. Como dito antes, essas peças devem ajudar a controlar a luminosidade nos interiores da casa, melhorando seu conforto visual e térmico. 

Também é um tipo de barreira que garante a privacidade dos moradores de olhares curiosos provindos da vizinhança. E um componente decorativo capaz de gerar várias sensações.

Modelos de cortina

Revista Viva Decora

Sobre os modelos de cortinas disponíveis no mercado

Usar cortinas para valorizar a decoração de casa é uma ótima decisão. Mas é preciso estar atento aos modelos disponíveis no mercado para saber bem o que poderia combinar com o restante da decoração, suprindo todas as necessidades. 

O primeiro detalhe a ser observado é quanto às medidas da peça – que pode ser dividida em duas partes, tendo uns 30 cm a mais que cada lado da janela e ficando a, no máximo, 1 cm acima do chão.

Em sua casa, você pode instalar não só um modelo longo como também curto de cortina, a decisão é sua. 

Mas saiba que, normalmente, os planejadores de interiores gostam de escolher peças de cores neutras, com poucas camadas e que vão do chão ao teto das residências.  Agora, modelos estampados, mais encorpados e em tamanho médio também podem parecer elegantes. Tudo vai depender do efeito que se quer dar a decoração.

Outra questão importante para se refletir quanto às cortinas são as suas proporções. Peças com muitas sobreposições – em veludo, por exemplo – são realmente bonitas, mas não são práticas, sendo muito difícil de sofrerem manutenção. 

As mais leves – como em linho e algodão – oferecem um visual mais descontraído aos ambientes. Cada tipo tem características a serem valorizadas.

como usar cortinas

Arthur Decor e Fernando Piva

tipos de cortinas

Revista Viva Decora

Sobre os critérios para escolha do modelo de cortina ideal para casa

Depois de analisar o seu imóvel, de pensar no que precisa e no que gosta, é vez de escolher qual modelo de cortina comprar. Existem várias opções disponíveis no mercado, próprias para combinar com cada estilo de decoração ou setor da casa. 

Há inúmeros jeitos de se chegar à conclusão sobre qual o modelo ideal de peça a comprar. Não existe uma “receita de bolo”. Contudo, vejamos algumas sugestões de critérios de escolha.

#1 Material de fabricação

O tecido é uma parte essencial no processo de escolha da cortina perfeita. Por quê? Pra começar, porque isso influencia na durabilidade, resistência, costura da peça, e no quanto de vento e luz que permitirá trespassar por suas tramas. 

Há quem prefira tecidos como veludo, seda, algodão, linho, poliéster ou chiffon – só para citar alguns exemplos. Mas, voltando a dizer, tudo vai depender.

O voil é o tecido para cortinas mais queridinho do momento. Ele deixa as peças com um ótimo caimento. 

Ao mesmo tempo, acompanhado de barrados laterais em um material mais encorpado, pode ganhar mais imponência e combinar ainda melhor com detalhes da decoração. Entram nesta lista capas de sofás, tapetes, almofadas, mantas, edredons, toalhas de mesa e mais.

Modelos de cortina

Laura Santos

A tecnologia blackout

Cortinas como as em voil deixam a luz do sol adentrar facilmente nos ambientes, mesmo quando fechadas. É por isto que alguns fabricantes oferecem peças com sobreposição de camada blackout. 

Esta tecnologia foi desenvolvida visando bloquear totalmente a iluminação natural nos interiores. É a opção perfeita para ambientes como home theaters e quartos, criando uma sensação super aconchegante.

Modelos de cortina

Iara Kilaris

#2 Cor e estampa

Na hora de escolher uma cortina para um determinado ambiente é importante, antes, também pensar na temática de sua decoração. Cortinas neutras combinam com tudo – além de serem atemporais -, por isto são uma escolha bastante vantajosa. 

Agora, nas lojas é possível encontrar lindas peças com texturas e cores mais vivas, que podem oferecer um visual mais charmoso.

Em sua casa, você pode explorar temáticas florais, por exemplo, caso a decoração que esteja compondo seja romântica. Ou quem sabe explorar desenhos em arabescos e listras, se a decoração for clássica. E com geometrias, se for moderna. 

Para uma escolha acertada deve-se levar em conta, sobretudo, as matizes presentes nos estofados, jogos de cama, e em tudo que possa vir a fazer conjunto com a cortina – que não deve destoar do cenário.

Modelos de cortina

Nicolle do Vale

Modelos de cortina

CASA COR 2016 e Cristina Lembi

#3 Estilo

A costura da cortina vai determinar o seu estilo. Por exemplo, peças de visual moderno são mais simples, em linhas retas. 

Já as mais clássicas são mais volumosas, com babados e muitos outros detalhes que remetem a épocas mais antigas. E, dentre tantas possibilidades, é preciso escolher o modelo certo que “bata” com a temática do ambiente que está sendo decorado.

Há muitos modelos de cortinas prontas que se pode encontrar nas lojas; e, claro, sempre é possível encomendar uma com um costureiro ou costureira. Pode-se fazer uma cortina de tecido inteiriço, em ilhoses, com passantes, lacinhos e argolas. 

Peças em painel liso e com pregas. E persianas do tipo romana, rolô – que ficam enroladas quando encolhidas -, e DuoFold – que permite resultados visuais diferentes.

como usar cortina

Actual Design e INÁ Arquitetura

cortinas

Très Arquitetura

Agora você já recebe tantas informações, é provável que seja capaz de escolher uma cortina para casa. Observe as imagens deste texto. 

Todos estes exemplos provam que as cortinas podem ser a “cereja” do seu projeto de decoração. Então, capriche na escolha das peças que serão instaladas nos mais variados ambientes de seu imóvel.

Essas dicas de diferentes modelos de cortinas utilizadas na decoração de casa foram criadas pela equipe Viva Decora.


Deixe uma resposta