{Estilo Simplichique #25} Simples & Chique

htholly1

A simplicidade na decoração dessa casa me cativou. É de inspirações assim que precisamos todo dia; vamos nos esquecer por um minuto daquelas imagens de casas belíssimas, super photoshopadas, que vêm até com aquele brilho nas luzes, sabe? Vamos nos ater às coisas simples da vida e decoração precisa ser uma delas, porque quanto mais rebuscado você idealizar na sua mente, mais complicado para executar.

htholly13

Eu tô muito numa fase de móvel solto. E não é fácil, para uma arquiteta, fazer uma afirmação dessas publicamente, mas tenho preferido deixar os planejados e sob medida para cozinha, banheiros e lavanderia. Acho que peças de mobiliário soltas são mais personalizáveis e trazem muito mais identidade a um ambiente. Inclusive, deixo aqui esse excelente post da Ju (Casa de Amados) como leitura complementar.

htholly2

E quando os móveis são coloridos, ganham meu coração muito mais facilmente. Foi, inclusive, o que chamou minha atenção quando vi imagens dessa casa na uébi: mesmo havendo uma peça mais intensa (amarelo gema de ovo), as cores usadas no mobiliário não são fortes o suficiente para poluir o contexto geral.

htholly14

É claro, se as paredes não fossem clarinhas, isso não aconteceria. O contraste de fundo branco é ideal para que você ouse nas cores sem cair no exagero.

hollyht21

Se você já tem sua casa equipada com o básico do básico e me perguntar qual móvel seria um bom investimento, eu diria que uma cristaleira. Elas são tão versáteis que vão muito além da função de “louceiras” e podem ser usadas em qualquer lugar da casa. Um móvel bonito que tem mil e uma utilidades.

htholly17

A cozinha é branquinha, mas o piso é cinza. Fujam do piso branco! É lindo em fotos, mas quem tem em casa (tipo EU) sofre pra mantê-lo limpo.

htholly12

Fiquei apaixonada por esse papel de parede. Aliás, eu amo qualquer coisa com estampa retrô; se você curte também, pode apostar sem medo. É uma tendência que tem ganhado força nos últimos anos e a praticidade do papel de parede permite que você possa removê-lo se enjoar.

htholly3

Móveis fora do contexto tradicional. Uma excelente forma de levar criatividade à sua decoração sem gastar absolutamente nada. Tire o criado-mudo do quarto, leve-o para a sala. Parabéns, você tem uma linda – e única – mesinha lateral e que vai ajudar a organizar sua baguncinha. Experimente guardar, por exemplo, seus carregadores de celular nele. Estarão sempre fáceis, à sua disposição, mas sem que ninguém precise vê-los.

checklist de fofurices neg2

✔ Parede de tijolinhos
✔ Geladeira retrô
✔ Móveis coloridinhos
✔ Plantas em vasinhos fofos
✔ Balança amarela
✔ Cordão decorado
✔ Kokeshis de madeira
✔ Enfeite que remeta a café

Encontrou mais alguma coisa? Deixa nos comentários!

Imagens: Decor8

Banner Estilo Simplichique


Quer dar alguma sugestão, fazer críticas ou tirar alguma dúvida? Mande um e-mail para contato@simplichique.com.br e terei o maior prazer em trocar uma ideia!

Gostou desse post? Compartilhe nas redes sociais!

Este post tem 5 comentários

  1. Oi, Manu!
    Linda a casa de hoje! Adoro paredes brancas! Elas são a verdadeira tela em branco que a gente tanto ouve falar. Qualquer cor fica linda no contraste com o branco. <3
    Gostei também da posição do sofá rosinha na sala (foto 3). Provavelmente eu não o colocaria ali, de costas, e perderia uma bela oportunidade. Ficou bem legal!
    Concordo com você sobre a cristaleira. Eu vi uma, certa vez, que virou sapateira (mas só os Louboutins da vida haha). Muito chique!!! rs
    Beijão,
    Mariana.

    1. hahaha vc arrasa, Mari!
      Fico muito feliz quando alguém comenta que alguma coisa do post serviu de inspiração; sinal de que tô cumprindo meu papel! 😀
      Bjo grande!

  2. Concordo com a Mari: a posição do sofá rosinha é bem interessante. Eu sonho com o dia em que poderei ter um sofá fora da parede, acho que ia adorar fazer estripulias ali (coisas de pseudo-ginasta, hehehehe).
    Nunca tinha pensado no que você falou sobre a cristaleira, mas vejo muito em ateliês, e fica um amor. Você está coberta de razão!
    O móvel amarelo ali atrás, que dizer dele? Sensacional! E ainda tem uma prateleirinha combinando!
    Esse ambiente tem uma coisa que gosto muito: o contraponto do antigo/ moderno.
    Ah, e por fim… gratidão por citar meu post…. eu fico tão feliz de ver arquitetos dizendo que preferem móveis soltos. Eu ganho meu dia! O curioso, é que na apresentação do projeto final de um módulo lá no meu curso, eu achava que a minha professora era dessas arquitetas que adoram um planejado, mas ela chamou a atenção de quem colocou marcenaria demais. Fiquei com a impressão de que estamos vivendo uma fase em que as novas gerações estão abrindo mão da necessidade de colocar planejado em tudo. Você tem essa mesma impressão?

    Beijos!!

    1. Ju, adoro suas contribuições, são sempre muito engrandecedoras.
      Eu acho que a área vem, sim, passando por uma mudança de conceitos. Tanto que, hoje em dia, é muito mais comum vermos a utilização de materiais alternativos em grandes mostras de Arquitetura e Decoração, como estantes de caixotes de feira e pallets, por exemplo.
      Não sei se foi coincidência, mas notei que depois que o CAU (Conselho de Arquitetura e Urbanismo) proibiu as RTs (ou reservas técnicas, as famosas “comissões”), os arquitetos vêm buscando outras soluções nos projetos, menos rebuscadas. Ao mesmo tempo em que vêm surgindo escritórios de arquitetura voltados para serviços mais acessíveis e que prezam tanto pelo reaproveitamento de materiais.
      Enfim, não só acho que é uma reestruturação de pensamento super válida dos profissionais da área como defendo a popularização da arquitetura de interiores. E quanto mais gente pensar assim, melhor! 🙂
      Beijão!

  3. olá,meu nome é Rozemir,gostaria de sua ajuda,pois dividi minha sala pra dois ambiente,a parede da cozinha a qual se tornou americana é onde vou usar pra tv. porem sem ideia de arrumar ,pq é uma parede de 1,20m e 1,67m de largura.

Deixe uma resposta